Fortaleza empata sem gols com o Corinthians no Castelão – Rádio Asa Branca 99,5 – A Rádio de Boa Viagem

Fortaleza empata sem gols com o Corinthians no Castelão

Com o ponto conquistado pelo resultado, as duas equipes chegaram a 30 pontos na tabela da Série A

                                                                           Fortaleza x Corinthians pela Série A do Brasileirão 2020. 24ª rodada. Arena Castelão. (Foto: Julio Caesar/ O POVO)

Fortaleza e Corinthians ficaram no empate sem gols no Castelão, na noite desta quarta-feira, 2. Com o ponto conquistado pelo resultado, as duas equipes chegaram a 30 pontos na tabela da Série A e aumentaram de cinco para seis pontos a vantagem para a zona de rebaixamento.

O Tricolor permaneceu na nona posição, uma colocação à frente do Timão devido ao saldo de gols superior. Em 90 minutos de bola rolando, os dois times criaram poucas chances de perigo.

Os mandantes ficaram com um jogador a mais desde os 34 minutos do segundo tempo, com a expulsão do atacante Jô, mas não souberam aproveitar a superioridade na reta final da partida. No último lance do confronto, nos acréscimos, o lateral-esquerdo do Leão, Bruno Melo, também levou o cartão vermelho.

No apito final, muita discussão e reclamação dos jogadores pela arbitragem de Braulio da Silva.

O jogo

No primeiro tempo, Fortaleza e Corinthians travaram duelo moroso. Em 45 minutos de bola rolando, poucas chances claras de gol. O Tricolor do Pici teve um início melhor na partida, explorando jogadas com velocidade pelos lados do campo. A grande chance aconteceu aos 13 minutos, quando Osvaldo invadiu a área e finalizou para a defesa de Cássio.

As duas chances do Timão saíram dos pés de Luan. Na primeira, o meia-atacante cobrou escanteio fechado que obrigou a defesa de Felipe Alves. Depois, na entrada da área, o camisa 7 finalizou para novo bloqueio do arqueiro do Leão.

Na segunda etapa, logo aos 6 minutos, o Corinthians reclamou de falta dentro da área de Felipe em cima de Otero. O árbitro Braulio da Silva não viu irregularidade no lance e mandou seguir.

s paulistas investiam na posse de bola, buscando encontrar espaço no sistema defensivo do Fortaleza, mas erravam bastante na conclusão das jogadas. Os comandados de Marcelo Chamusca apostavam no contra-ataque, mas também desperdiçavam as chances criadas.

Só aos 26 minutos surgiu um novo lance de perigo. Yuri César, que entrou no lugar de Osvaldo, cruzou na área e Tinga cabeceou com força para defesaça de Cássio.

Quase dez minutos depois, a partida ganhou novo momento de tensão. Em cobrança de escanteio do Corinthians, o VAR chamou o árbitro para revisar um lance entre Jô e Felipe. Após ir até o vídeo, Braulio da Silva decidiu expulsar o atacante do Timão por agressão.

Com um a mais, o Fortaleza tentou pressionar o Corinthians com a velocidade dos pontas Romarinho e Yuri César. João Paulo, que entrou no lugar de David, atuava por dentro com a função de armar o time, enquanto Bergson ficava como a única referência.

Aos 41 minutos, Romarinho, em lance individual, invadiu a área e bateu cruzado para a defesa de Cássio. Aos 43, Chamusca deixou o time totalmente ofensivo ao colocar Ederson e Mariano Vazquez nas vagas do zagueiro Wanderson e do próprio Romarinho.

Nos acréscimos, no último lance do jogo, Bruno Melo cabeceou com perigo para mais uma defesa de Cássio. Logo depois, o lateral se estranhou com o volante Xavier, do Corinthians, e foi expulso.

Ficha técnica
Fortaleza 0 x 0 Corinthians

Fortaleza
4-4-2: Felipe Alves; Tinga, Wanderson (Ederson), Jackson e Bruno Melo; Romarinho (Mariano Vazquez), Juninho, Felipe e Osvaldo (Yuri César); Bergson e David (João Paulo). Téc: Marcelo Chamusca

Corinthians
4-2-3-1: Cássio; Fagner, Marllon, Gil e Fábio Santos; Cantillo (Xavier) e Gabriel (Ramiro); Otero (Matheus Vital), Luan (Cazares) e Pitón (Gabriel Ferreira); Jô. Téc: Wagner Mancini

Local: Arena Castelão, em Fortaleza-CE
Data: 2/12/2020
Horário: 21h30min
Árbitro: Braulio da Silva Machado-FIFA/SC
Assistentes: Celso Luiz da Silva-MG e Marcus Vinícius Gomes-MG
VAR: Igor benevenuto de Oliveira-MG
Cartões amarelos: David e Derley (FOR); Cantillo e Gabriel Ferreira (COR)
Cartão vermelho: Bruno Melo (FOR); Jô (COR)

 

Sistema Asa Branca de Comunicação

Colaboração: O povo