Ao contrário dos primeiros jogos do ano, o Fortaleza mostrou melhor posicionamento, vontade e criou boas chances no Clássico-Rei. Diante de uma melhor atuação, a pouca experiência do elenco não foi sentida e a juventude foi decisiva para garantir o placar. Aos 21 anos, o jovem atacante Gabriel Pereira, que ano passado jogou no sub-20 do Vitória, balançou as redes no segundo tempo e garantiu não apenas a vitória do Fortaleza, mas ajudou o clube a espantar um possível crise e a colocar o Leão na liderança do Estadual. Após o apito final, o jogador comemorou o resultado.
 
“Estou muito feliz e ainda mais fazendo gol. A torcida tem que ter paciência, são penas 20 dias de treinamento. Vamos começar a entrosar. Hoje que começou o ano pra gente, conseguimos vencer e agora a torcida está com a gente”, disse o jogador, que frisou viver momento único na carreira.

O resultado também foi comemorado pelo atacante Lúcio Flávio, que estreou pelo Leão: “A gente sabia da responsabilidade, mas fizemos um jogo aguerrido, determinado e fico feliz por ter estreado com vitória”.

 

Da redação da Rádio Asa Branca

Fonte: Jornal o Povo

Compartilhe:

Deixe seu comentário

Mural de recados

Carrega

    Nenhum comentário encontrado

Enquete

Como está o atendimento no sistema de saúde pública de Boa Viagem?